(21) 3867-9331 / 3105-5283 / 99670-3800 (WhatsApp) | atendimento@sorrirdenovo.com.br

Implantes são cilindros metálicos (titânio), instalados nos ossos maxilares com a finalidade de substituir raízes de dentes ausentes.

Além de resolver efetivamente a questão estética, o implante funciona como dentes naturais, tanto na visibilidade como no aspecto mastigatório.

Como será feito o tratamento?

O protocolo de um sistema de implante envolve duas etapas distintas:

  1. A primeira é a cirúrgica, onde é colocado o implante no osso.
  2. A segunda é a etapa protética, momento em que é confeccionada uma prótese sobre o implante dentário.

Etapa cirúrgica: consiste na instalação dos implantes nos ossos maxilares. É indolor tanto no ato cirúrgico como no pós-operatório. Durante um período necessário de espera (4 a 6 meses), teremos a osteointegração (conexão rígida entre o tecido ósseo íntegro vivo e a superfície do implante), onde os implantes permanecem dentro do osso protegidos de cargas ou movimentações.

Etapa protética: consiste na elaboração da prótese sobre os implantes. A fixação desta prótese a implantes é feita por meio de parafusos, permitindo assim sua retirada para manutenção, a qual é feita pelo dentista. Este parafuso fica no interior do dente e é recoberto por resina da cor do dente.

Implantes ``Overdenture``

Prótese total sobre implante (Overdenture)

A prótese total sobre implante é um tipo de dentadura que se fixa sobre implantes dentários. Enquanto que as dentaduras convencionais, para se manterem imóveis, apoiam-se nas gengivas e as da arcada superior também no céu da boca, as próteses totais sobre implantes fazem uso de implantes para se fixar na boca do paciente.

Utiliza-se a prótese total sobre implante em casos em que o paciente requer um método de fixação mais eficaz que o da prótese dentária removível (no caso das dentaduras) e também em casos em que há uma perda total de dentes e existe osso suficiente para suportar implantes dentários. A prótese total sobre implantes tem encaixes específicos que se fixam aos implantes de forma perfeita.

As próteses totais sobre implantes geralmente são concebidas para a arcada inferior, pois as dentaduras convencionais tendem a ser mais instáveis na mandíbula. A dentadura que se coloca na arcada superior costuma ser mais estável e não requer uma fixação como a referida. No entanto, é perfeitamente possível conceber uma prótese total sobre implantes para ambas as arcadas, beneficiando assim de toda a estabilidade que uma prótese deste tipo providencia.  Ao utilizar estas próteses, deve removê-las diariamente para proceder à sua limpeza e à higienização das suas gengivas. Saiba também que antes de optar por colocar uma prótese sobre implantes, receberá do seu dentista todas as sugestões e indicações sobre o tipo de prótese dentária mais adequado ao seu caso.

 Como funciona uma prótese total sobre implantes?

A prótese total sobre implantes quanto ao seu apoio, se fixa em “esferas”. Neste caso o paciente usará uma prótese concebida à base de acrílico e que se assemelhará à gengiva natural. Os dentes podem ser de porcelana ou acrílico como em qualquer dentadura, simularão na perfeição a dentição natural. As próteses necessitam de pelo menos quatro implantes para poderem fixar-se devidamente.

Mais especialidades

Dr. José Henrique

TURNO/DIA SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO
Manhã  check
Tarde

Geriatria

Fonoaudiologia

 

Psicanálise

Ultrassonografia